Anda tendo muita dor no estômago? Veja como evitar esse incômodo!

22/11/12

A chamada dor de estômago é bastante comum entre os brasileiros. Resultado de estresse, muitas horas sem comer, medicamentos, cigarro ou simplesmente, aquela comida super temperada do final -de- semana. Veja como fugir dessa chateação e ter uma vida mais saudável.

A Dra. Carla Rossini, nossa nutricionista esportiva, nos orienta no seguinte sentido!

No processo de digestão, o estômago libera ácido clorídrico que dissolve o alimento para facilitar a absorção dos nutrientes. Quando liberado em excesso, ele acarreta em dor e sensação de queimação.  Pode ser uma reação passageira, por conta de algum exagero pontual, (alimentação, medicamento, jejum) ou contínua, quando o ácido agride e inflama a parede do órgão (gastrite) ou fere-a (úlcera).

A úlcera provoca perda de células e a mucosa do estômago se altera. Alguns sintomas característicos da gastrite e da úlcera são: dor na boca do estômago (queimação), sensação de vazio, alterações no hálito, cefaléia, pontadas agudas na região abdominal superior, náuseas e enjôos, em geral após as refeições.

Algumas pessoas acreditam que jejuando, estes sintomas são aliviados, mas não é verdade! Ingerir porções menores de alimentos ao longo do dia, protege a parede estomacal.  Como a noite é o período que o estômago fica mais vazio, no desjejum você pode abusar dos alimentos saudáveis, visto que, sua absorção será mais intensa.

O estresse é um dos fatores apontados como causador da gastrite, mas, não podemos descartar as bactérias. AHelicobacter Pylori , encontrada em água ou alimentos contaminados, destrói a mucosa do órgão, expondo-a ao ácido. Quase metade da população carrega essa bactéria, embora nem todos desenvolvam a doença. Para eliminá-la, é preciso tomar antibiótico, geralmente por uma semana.

Se você já sofre desse mal, evite comidas apimentadas ou frutas ácidas, elas só tendem a irritar ainda mais sua mucosa. Fumar e ingerir bebida alcoólica pode tanto desencandear o processo, bem como agravá-lo. O que alivia estes sintomas? Somente o tratamento médico. Ao contrário do que muitos pensam, tomar leite não ajuda. O cálcio presente no leite, estimula a secreção de ácido, piorando a sensação.

Algumas dicas para se armar contra a gastrite:

  1. Coma devagar, mastigue bem e evite líquido nas refeições.
  2. Evite café, chá preto, refrigerantes, chocolate, álcool e chimarrão.
  3. Fique longe de doces, eles contém muita gordura.
  4. Modere no sal e açúcar.
  5. Evite frituras.
  6. Prefira leite e iogurte desnatados.
  7. Tempere a salada com azeite de oliva e limão.
  8. Beba água.
  9. Coloque mais fibra na alimentação.

Se organize! Procure orientação médica, durma pelo menos oito horas por dia, pratique atividade física e se alimente a cada três/quatro horas. Bye bye gastrite! : )

 

Dra. Carla Rossini (Nutricionista Esportiva)

Telefone: 11 – 988545621

E-mail: carlinharossini@hotmail.com

Compartilhe:

Comentários

Chat
Precisa de ajuda? Vamos conversar!
Desculpe mas não temos nenhum operador online no momento. Você pode ligar para (12) 1234 5678
Em toda loja
  • Em toda loja
  • Equipamentos
  • Acessórios
  • Play
Olá visitante! Sua conta