Faça seu treino render mais!

22/07/15

Todos os profissionais de Educação Física são unânimes quanto à importância da alimentação para aumentar os resultados do treino. Para o personal trainer Ivaldo da Silva Larentis, a alimentação é um forte aliado no treino, seja para perder peso, ganhar força ou aumentar a massa muscular. Uma dieta balanceada ajuda a render mais e a manter uma intensidade adequada durante o treino. Porém, é importante também não comer exageradamente e nem treinar em jejum. Já o personal trainer Carlos Henrique da Costa Sapucaia indica os carboidratos de baixo índice glicêmico antes da prática de exercícios, isto é, com pouco açúcar. Além de evitar uma hipoglicemia, estes alimentos permitem um melhor desempenho na primeira uma hora e meia de treino. Depois do exercício, o recomendado é consumir proteínas e carboidratos.

Sapucaia também explica que hidratar-se é fundamental, já que cerca de 70 a 75% da nossa musculatura é composta de água. O recomendado é beber água antes, durante e depois do treino. A dica da personal do ano pela SBPT (Sociedade Brasileira de Personal Trainers), Clóe Celentano, para as pessoas que possuem uma vida agitada o ideal é conciliar exercícios de fortalecimento com exercícios aeróbios, os grandes responsáveis pela perda de peso. Segundo ela, é importante alternar os grupos musculares, intercalando as séries com dois minutos na esteira. Dessa forma, a frequência cardíaca é mantida elevada durante todo treino, fazendo com que o treinamento tenha uma prioridade aeróbia, aumentando o gasto calórico e a metabolização das gorduras de reserva.
Caso a pessoa opte por fazer um treino de musculação tradicional, o indicado é procurar correr após executar os exercícios anaeróbicos para aumentar a metabolização de gordura. Para ter bons resultados é importante uma avaliação individual para determinar a intensidade da atividade física. Para Sapucaia, é fundamental aumentar a carga, mesmo que a pessoa sinta o esforço. A dor tem que ser muscular, e não articular, e durar entre 48 e 72 horas aproximadamente.
O desconforto muscular é um dos parâmetros para avaliar o fortalecimento. Porém, vale relembrar que o aluno nunca deve aumentar sua carga por conta própria. Todos concordam que o mais importante é fazer exercícios que se gosta para manter com mais facilidade a regularidade do treino. 

Fonte: http://www.educacaofisica.com.br/fitness2/academias2/especialistas-dao-dicas-para-o-treino-render-mais/

Compartilhe:

Comentários

Em toda loja
  • Em toda loja
  • Equipamentos
  • Acessórios
Olá visitante! Sua conta